Atemporal

15 de jul de 2015

El mundo esta lleno de posibilidades

Eu estou nadando no espaço. Entre tudo e entre nada. Vagando num pequeno pedaço do infinito, que não consigo definir se é grande o bastante para que meus pensamentos viagem comigo. É tudo tão complicado. Mas essa visão compensa, sabe? As estrelas são mais bonitas daqui. Eu posso ver a Terra. Posso ver nosso continente, nosso país, nossa cidade, posso até ver você se forçar um pouquinho os olhos. E o pensamento. Consigo ver você rindo com os seus amigos, despreocupado, esquecido de todos os problemas que afligem o mundo. Naquele momento, sua risada me conforta. Queria poder ouvi-la.

Mas não ouço. Não ouço nada. Isso aqui é puro vácuo. Apenas ondas de luz se propagam, mas isso não me incomoda nem um pouco. O som do silencio tem sido um deleite para meus ouvidos. Ah, como eu queria que todos pudessem ver além da noite estrelada da Terra. É claro que é bonito, mas isso aqui? É impossível de ser descrito. É magnífico.

Ao longe, percebo outros planetas. Até consigo enxergar uma outra galáxia. Me pergunto se em algum daqueles outros pequenos mundinhos - eles não passam do tamanho da palma da minha mão daqui onde estou - existe vida. São devaneios e talvez nada mais que isso, mas quem poderá saber? O universo é tão imenso, tão infinito. Tão cheio de mistérios que nunca viveremos o suficiente para ver além dessa simples visão, embora ela compense. Será que há outra pessoa vendo o que eu vejo nesse momento? Que também aprecia sentir o nada tocar seu corpo e afagar os cabelos tanto quanto eu, agora?

E então, acordo. De volta a minha cama, a minha cidade, o meu país, continente, planeta. E volto a dormir. Porque ainda acredito que vou conseguir ficar presa em um sonho e escapar daqui. 

---

Olá, pessoal! Tudo bem? Meu nome é Caroline, tenho 15 anos, e como vocês puderam perceber, talvez tenha um ou dois parafusos a menos. Mas se alguém aí se identificar, por favor, me acompanhe! Não sei se conseguirei levá-los tão longe assim ou para alguma espécie de viagem intergaláctica. Mas eu prometo: vou tentar.

P.S.: Por favor, ainda não me julgue pelo design do blog. Estou aprontando um pouquinho a cada dia. ;)

6 comentários:

  1. Que texto lindo, Carol! Eu imaginei que a personagem, no caso, estava apenas fechando os olhos e imaginando o mundo a seu redor, mas pelo visto é um sonho, e para mim sonhos são muito mais do que apenas imagens vagando pela nossa mente durante a noite. Eles podem nos levar a qualquer lugar que quisermos, se soubermos como dominá-los para fazer isto.
    Eu te conheço do Facebook. Nunca falei com você, mas via algumas publicações sobre seus livros, mas até agora não adquiri nenhum. Gostei da sua escrita, ela é dinâmica e você se encontra nela, consegue ser sentida e senti-la também. Isso só me deu mais vontade de ler uma obra sua, espero que eu consiga realizar este feito em breve ;)
    Também gosto de escrever, é muito bom encontrar blogs que tem textos autorais também. Acompanharei o seu, a partir de hoje *3*

    Abraços ~
    r-earrange.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aah, obrigada! Fico muito feliz com o que disse, de verdade. Espero que volte sempre! Aliás, acho que me lembro de quem você é, sim, haha!

      Excluir
  2. Hey!
    Que texto mais perfeito...Todo mundo tem um momento para se sentir vazio e triste, mas é sempre bom olhar do lado bom, como ver as estrelas. Geralmente dormir é uma escapatória para os problemas, mas muitas vezes isso transforma as coisas.
    Adorei o design do blog, está tão meigo! Muito sucesso!
    Beijos da Bia!♥♥♥

    http://www.strelateen.com/

    ResponderExcluir
  3. Que texto maravilhoso! Você tem muito talento para a escrita, um talento de transportar o leitor e fazê-lo pensar naquilo que está escrito. Sério, adorei, me senti dentro da história observando e vivendo o universo, e não me distraí um segundo sequer. // Apesar de você ter dito que o design não está completo, o adorei do jeito que está, bem aconchegante.// Vi que você escreveu alguns livros e, nossa, meus sinceros parabéns! Fiquei muito curiosa para ler, mas provavelmente não há em minha cidade, já que moramos muito longe, mesmo assim, irei procurar nas livrarias por aqui :)
    Estou seguindo seu blog, e espero que continue escrevendo esses textos e livros incríveis!
    Beijos,
    Brunna www.naepocadavictoria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Brunna! Por ambos os elogios, haha! <3

      Excluir