Tempo

26 de jul de 2015


Eu estou passando por uma fase difícil, sabe? Quando parece que a dor não vai parar de doer ou que as lágrimas nunca vão parar de escorrer. Eu não sei se sou a única que me sinto assim, mas não desejo que ninguém nunca (nunca mesmo) se sinta desse jeito. Que todos vocês valorizem os sorrisos enquanto as pessoas estão perto de vocês. Que valorizem os momentos, que os aproveitem ao máximo. 
Talvez seja meio que aquele velho discurso da primavera, já ouviram? Tem uma fase que tudo parece lindo, incrível. E depois fica mais intenso. Aí então, as coisas começam a esfriar. E talvez eu esteja passando pelo meu pior inverno. Não é como se tudo estivesse cinza nem nada do tipo. Não de certa forma. É como se não fosse nada. Vai, e vem, e volta. Eu não sei direito como eu devo agir, o que eu devo fazer, quem eu devo procurar, a que tipo de especialista recorrer. Quem sabe meu setor seja o da psiquiatria. Talvez ninguém nunca entenda o motivo certo, porque na verdade eu mesma me sinto confusa sobre. Só que é ruim. É muito ruim, toda essa confusão. 
É e não é por alguém. É e não é por amor. É, mas também não é, pela saudade. Ou talvez seja. 
Parece que alguém morreu, eu sei. Mas isso não aconteceu, ainda bem. Alguém só se foi. E eu sei que vai voltar. Mas enquanto isso não acontece, vocês me ouvirão chorar por um bom tempo. Que vai passar. E aí, tudo vai ficar bem de novo?

19 comentários:

  1. Hey Pessoa, como vai?

    É a primeira vez que visito seu blog e dou logo de cara com essa texto. Super me identifiquei, acho que estou no momento mais confuso e agoniante de toda a minha vida e a única coisa que quero é dormir pro tempo passar e acordar em um dia onde não sentirei mais isso, mas não podemos deixar isso tomar conta de nós, vamos nos unir e dar a volta por cima. Parabéns pelo texo!

    Convido a você a conhecer o meu blog, o Moda Possessiva, será um grande prazer recebe-la por lá! E quero parabeniza-la pelo blog e por seu trabalho aqui compartilhado, é simplesmente perfeito! Um dos meus blogs favoritos, com toda a certeza!

    AH!Por Favor, Sempre que fizer uma nova postagem não deixe de me avisar lá para eu vir correndo aqui ver!

    Um Super Beijo...

    Att. Thays Alkmin

    www.modapossessiva.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo! Haha, pode deixar, já estou visitando. ;)

      Excluir
  2. Que texto lindo Carol! Estou aproveitando cada segundo da minha vida, estou triste porque tenho esse ano e o outro pra terminar meus estudos, e meus amigos irão todos para seus lados, então o melhor é aproveitar cada segundo com a pessoa que você gosta, porque como você diz a pessoa morre (não de verdade) mas morre da sua vista e provavelmente você nunca mais verá ela novamente, mas quem sabe se ela volta ou a gente se encontra nos caminhos da vida?
    Espero que fique bem.

    Beijos || Leadership ~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Telzita! Estou bem, obrigadaaa! <3

      Excluir
  3. great post
    xoxo Gi.

    new post
    http://f-lover-fashion-blog.blogspot.it

    ResponderExcluir
  4. Muita força querida, tudo vai ficar bem!
    xoxo
    BLOG // FB PAGE

    ResponderExcluir
  5. Ooi minha linda, sabe lendo isso comecei a se lembrar de mim, porque eu sempre tenho essas fases, sempre não as vezes, ´é um inverno onde me sinto no meio do lugar mais frio e mais isolado, onde não tem ninguém a me socorrer, ai eu começo a orar, eu oro eu choro, oro choro, respondo minhas perguntas, e depois parece que aquele inverno da uma acalmada ai percebo que não estou tão sozinha quanto penso, e espero que essa sua fase passe logo, sem dúvidas que eu amei seu blog e estou seguindo beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu já estou retribuindo sua visita. Que bom que se identificou, Carol! <3

      Excluir
  6. Poxa, eu amei o texto, você escreve super bem, tenho um texto seu guardado porque amo ele e quase sempre estou lendo. Bom, é complicado quando nem nós sabemos o que estamos sentindo, talvez um psiquiatra não te entenda muito bem (mesmo sendo essa a função dele) porque talvez você não se entenda, é complicado colocar em palavras o que estamos sentindo. Eu só te falo uma coisa: aproveite. "Aproveitar o quê? Tá maluca?" Bom, essa fase vai passar, você vai melhorar, então, enquanto está assim, escreva, tente transferir essa agonia para o papel, vai sair belos textos.

    Beijos, Carol!
    http://c-aliforniando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, meu Deus! Qual texto? Haha, obrigada pelo conselho, Danny! Pode deixar!

      Excluir
    2. Não se preocupa, é um ótimo texto hahahah
      Não vou falar para te deixar curiosa haha <3

      Excluir
  7. Carol, sinta-se abraçada e saiba que você não é a única que se sente assim. Mas, sabe, ouvi dizer que devemos aprender a aproveitar nossos momentos de tristeza. Lindo texto! Beijos ❤

    ResponderExcluir
  8. Isso foi extremamente bonito. Eu adoro tanto seus textos, mas você sabe disso, não é?
    Este em especial carrega um misto de sentimentos, tanto de desapego quanto de não querer deixar alguém ir embora, e isso foi o cativante, como se alguém estivesse morrendo apenas para você. Você vê que envolve a despedida de alguém, mas há inúmeras interpretações, pois podem ser despedidas em vários fatores diferentes, e isso possibilita que, independente do real significado, várias pessoas conseguem se identificar e se encontrar no que lêem. Isso é algo que considero essencial: o autor conseguir passar seus sentimentos para o leitor de forma simples mas intensa. É lindo, honestamente.
    Desejo força em seus momentos tristes e difíceis, entendo mais que ninguém o quanto é reconfortante mas também pode se tornar aguniante derramar suas sensações pela escrita, e isso é algo que sei que você consegue fazer. Existem momentos que o melhor mesmo é desabafar, não guarde suas dores apenas para você, elas só irão crescer e lhe consumir mais e mais, coloque-as no papel e utilize elas para te fortalecer.
    Tudo o que você escreve é inspirador e faz eu me sentir como se não fosse a única no mundo. Isso é tão reconfortante...

    Beijos ~
    r-earrange.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Posso dizer o mesmo, Elle. Seus textos sempre me cativam de uma forma inexplicável, e isso é essencial. Não estamos sozinhas! Haha, conte comigo.

      Excluir
  9. amei o texto! e eu entendo, tenho essas fases também, mas tudo vai dar certo! Fique bem <3 xoxo
    https://youtu.be/aE2GCa-_nyU?list=PLhqZhPK62V58z6aMxPVFb7L8OdTIXvyCA

    ResponderExcluir